Kamashita

Povo humanoide e inteligente da Via Láctea, habitante de Kamash, o sétimo planeta do sistema estelar Paternal. São descendentes de colonos terranos da primeira fase da colonização galáctica.

Descrição Física


Os kamashitas são de estatura baixa e magros, chegando a ter em média 1,40 m de altura. Possuem pele moreno-dourada, cabelos verdes, sobrancelhas espessas e também verdes, unhas prateadas, um nariz muito adunco, olhos azul-claro e dentes que brilham prateados.

Características Psicológicas


Os kamashitas amadurecem mais devagar do que os terranos, mas em compensação vivem mais tempo.

Paracapacidade


Todos os kamashitas são sensíveis psi. Eles estão em um feedback paranormal com a natureza de Kamash. É por isso que apenas alguns kamashitas deixam seu mundo de forma permanente. Somente com alguns kamashitas a capacidade psiônica é tão pronunciada que se pode falar como com o psicocopista Patulli Lokoshan de um paradotado independente.

Sociedade


Seus nomes são muito extensos.

Costumes e Tradições

Costumam fazer viagens pela Galáxia. No século XXXV, todo homem em Kamash era obrigado a viajar por dez anos para o espaço e conhecer os mundos povoados da Via Láctea. Como o próprio Kamash tinha apenas algumas naves de patrulha, eles trabalhavam em naves mercantes ou praticavam em outros planetas um trabalho. Depois disso, a esmagadora maioria dos kamashitas retornava para Kamash. Costumam dizer última folha, uma expressão típica kamashita, que tivera origem num jogo de baralho muito apreciado em Kamash. Significa mais ou menos a mesma coisa que OK ou entendido.

Kamashitas Conhecidos


  • Lesska Lokoshan, Mynra Buccuon, Patulli Lokoshan.

História


O planeta Kamash pertencia há muito tempo aos mundos coloniais esquecidos, e os kamashitas precisaram se dar bem sem assistência técnica. Mais tarde, quando Kamash foi redescoberto, o contato com o mundo exterior era pequeno, de modo que as informações da Segurança Solar sobre o povo e o planeta eram inicialmente muito escassas. Devido ao forte apego dos kamashitas ao seu ambiente, houve apenas um leve efeito imbecilizador durante a crise do Enxame em Kamash. A maioria dos kamashitas, no entanto, não podia deixar o planeta natal, uma vez que uma quebra de feedback parapsíquico protetor teria sido arriscado. Até janeiro do ano 3434, Perry Rhodan e Atlan nunca tinham visto um kamashita.


Créditos: 

Fontes


  • PR434, PR451, PR478, PR497, PR506, PR568, PR707.
  • Seção Glossário da edição digital da SSPG: volumes especificados no campo Glossários Veiculados.
  • Internet: Informações extraídas em parte do site Perrypedia (www.perrypedia.proc.org). This article uses material from the Perrypedia article “Kamashiten”, which is released under the GNU Free Documentation License 1.2. Informações extraídas em parte do site Perry Rhodan und Atlan Materiequelle (www.pr-materiequelle.de). Informações extraídas em parte do site Crest-Datei (www.crest-datei.de).
Seção do Site: