Povos

Raças, estirpes, clãs, linhagens e outros agrupamentos sociais da narrativa.

Rumalense

Povo inteligente e humanoide da Via Láctea, habitante do planeta Rumal. Possuem um lema: “a energia é tudo”.

Aparência


Os rumalenses têm uma pele marrom-avermelhada, com aparência de couro, cabelos ruivos e olhos pequenos que têm uma expressão de aparência apertada.

Noturno

Povo habitante da galáxia Fornax, caracterizado por passar por duas fases de desenvolvimento distintas em sua vida. Na primeira, conhecida como fase de enxame, eles apresentam a aparência de membranas finas feitas de quartzo vibratório pentadimensional, com dois a cem metros de extensão. Quando os membros de um enxame de noturnos alcançam esse tamanho máximo de cem metros, eles se ligam uns aos outros e crescem até a forma de um bastão, entrando então em sua segunda fase vital.

Ennox

Designação dada pelos terranos para um povo não humano.

Plofosense

Povo humanoide e inteligente da Via Láctea, originário do planeta Plofos. Seus indivíduos são descendentes de terranos que começaram a colonizar aquele mundo de oxigênio semelhante à Terra a partir do ano 2028.

Aparência


Os colonos do planeta Plofos não são exteriormente adaptados ao ambiente e, portanto, não diferem dos terranos normais.

Tefrodense

Povo inteligente e humanoide da galáxia Andrômeda, originário do planeta Tefrod. Eles são descendentes de emigrantes lemurenses que fugiram da Via Láctea para Andrômeda diante das bestas-feras (os halutenses antigos) e depois lá dos maahks, o povo numericamente mais forte. Depois do fim dos senhores da galáxia (SdG), alguns grupos de tefrodenses refugiados, fugindo dos maahks, emigraram para a Via Láctea e se estabeleceram no Eastside galáctico.

Vargarteno

Povo não humano e inteligente, nativo do planeta Origem da Perfeição, situado na galáxia Erranternohre.

Primeira Humanidade

Povo humanoide. Designação dada ao povo dos lemurenses, que criou um vasto império sideral a partir de Lemur (como a Terra era chamada por eles) cerca de 52 mil anos atrás e que era então o fator de poder dominante na Via Láctea. É provável que tenham se desenvolvido das experiências dos cappins, realizadas há cerca de 200 mil anos. Foram quase exterminados durante a terrível guerra contra os halutenses, sendo forçados a fugir em sua maioria para Andrômeda.

Páginas